Constelações sistémicas

Constelações Familiares

Sessões de constelações online e presenciais

Todos os meses facilito grupos de constelações familiares em Lisboa. Para consultar as datas e outras localidades consulte os próximos eventos já agendados.

Há ainda a possibilidade de marcar uma sessão de constelação familiar individual presencial ou online. Para reservar a sua presença, pode ligar para o +351 925430664 ou enviar um email para nidiabritodacosta@gmail.com.

Há muitas perguntas frequentes sobre este trabalho, o que é, quais os benefícios, em que casos se usa e como se procede.

Constelações sistêmicas

As Constelações Familiares ou Constelações Sistêmicas são um grande contributo para o progresso da nossa vida, levam-nos a darmo-nos conta dos emaranhamentos e bloqueios da nossa vida e perceber qual o movimento inicial necessário para seguir em frente, mais leve e fazendo o melhor. Percebeu-se que muitos vêm da nossa história familiar, os comportamentos dos nossos ancestrais têm consequências nos seus descendentes a que estes se encontram vinculados, sem saberem. Esta abordagem é baseada nas leis naturais que atuam nos relacionamentos humanos descobertas pelo Bert Hellinger a que ele denominou Ordens do Amor - Pertencimento, Hierarquia, Equilíbrio entre o dar e o receber.



Ordens do Amor

O respeito ou desrespeito pelas Ordens do Amor, tem impacto nas várias áreas da vida, pois estabelecemos relações com todos os que encontramos e com tudo.

Verifica-se que, os vários aspectos da nossa vida são um espelho das nossas relações familiares (daquelas que pertencem ao sistema familiar) do que existe e do que já existiu no nosso sistema familiar ( vide infra quem faz parte) - observa-se, que inconscientemente repetimos destinos, factos, sintomas, doenças através das gerações, até tomarmos consciência e termos uma postura de inclusão e de respeito por tudo quanto foi e seguirmos em direção à vida.

Ampliando a consciência, posicionamo-nos para fazer algo bom com o que recebemos, em direção ao amor e sucesso na família, nas organizações, na saúde, no direito, enfim, na vida. Respeitando também o que é possível.

Sessões de constelações online

O que é uma constelação familiar?

É uma forma de ajuda através de uma abordagem sistémica com base na filosofia de Bert Hellinger, que leva o cliente a tomar consciência da origem da questão, problema ou conflito que vive : emoções fortes, doença, dependência, conflitos familiares ou outros, noutras áreas de vida.

A origem dessas questões, estará sempre relacionada com uma das três leis que atuam nos relacionamentos e que foram descobertas por Bert Hellinger tendo por ele sido denominados Ordens do Amor, independentemente de se conhecer ou não, concordar ou não, à semelhança do que acontece com a lei da gravidade que atua sobre a massa.

De que forma foram descobertas as ordens do amor?

Retirado do artigo “A expansão do Direito Sistémico - do Brasil a Portugal “ escrito por Fernando Cattelan Cordeiro e Nídia Brito da Costa no site www.movimentosistemico.com :

“Foram captadas por Bert Hellinger através do método fenomenológico , tendo observado que quando essas leis não são respeitados, surgem efeitos como sintomas, sensação de peso, dificuldades dos relacionamentos, dificuldades financeiras, falta de sucesso e concretização de projetos.

Constelações Familiares

Quais são as Ordens do Amor?

01
Pertencimento

Todos os que fazem parte do sistema (e.g. familiar) precisam ser incluídos, ter um lugar , quando isso não acontece e há uma exclusão, mesmo que inconsciente, alguém numa geração à frente vai se identificar com o excluído, não se sentindo livre para seguir o seu próprio destino, é uma forma de o sistema incluir, preservando o vínculo.

1“A consciência de grupo dá a todos o mesmo direito de pertencer. Vela para que esse direito seja reconhecido por todos os que fazem parte do grupo. Vela pelo vínculo num sentindo mais amplo do que a consciência pessoal. Não conhece nenhuma exceção a essa regra: nem mesmo os assassinos de pessoas pertencentes ao próprio grupo. Eles também continuam pertencendo”.

    À questão quem faz parte do sistema familiar nos termos desta abordagem, Bert Hellinger enuncia:

  • 2 “1- Filhos e seus irmãos (inclusive os mortos e os natimortos, os abortos provocados e espontâneos);
  • 2 - Pais e Irmãos - Inclusive os mortos, natimortos e os filhos abortados; bem como os nascidos fora do casamento e os meios-irmãos;
  • 3 - Os avós e algumas vezes os seus irmãos;
  • 4 - eventualmente, um ou outro dos bisavós;
  • 5 - incluem-se também pessoas sem laços de parentesco que tenham cedido lugar a outros no grupo familiar, como os parceiros anteriores dos pais ou dos avós e todos cuja desgraça ou morte tenha resultado em vantagem para outras pessoas do grupo familiar”.
02
Hierarquia

A pessoa que chega cronologicamente primeiro ao sistema, tem precedência sobre quem chega depois.

3“Uma outra lei básica se manifesta na atuação da consciência de grupo: em cada grupo há uma hierarquia, que se orienta pela precedência no tempo. Isso significa que, de acordo com essa ordem, o que chega primeiro tem precedência sobre quem chega depois. Por exemplo, um avô tem precedência sobre um neto, um primogénito tem precedência sobre os demais irmãos e um tio tem precedência sobre seu sobrinho. Consequentemente, a compensação que obedece à consciência de grupo não faz justiça aos sucessores, pois não os equipara aos antecessores .... Assim, essa consciência de grupo, não permite que os sucessores interfiram nos assuntos dos antecessores, seja para fazer valer um direito deles, seja para expiar a culpa em seu lugar, seja ainda para resgatá-los, mesmo que posteriormente, de seu destino funesto.”

03
Equilibrio entre o dar e o tomar

Para que as relações entre pares sejam saudáveis e fortalecidas deve haver um equilíbrio entre o dar e o receber, excetuando nas relações entre pais e filhos (a vida dada pelos pais aos filhos, compensa-se passando adiante ou estando ao serviço da vida através de projetos profissionais por exemplo) e professores e alunos . Quando esse equilíbrio não acontece, a relação fica descompensada e enfraquecida, podendo ficar comprometida e até acabar. Continua Bert Hellinger, in O Amor do Espírito:

4“As condições prévias

Entre as condições que nos são preestabelecidas para os relacionamentos humanos incluem-se:

  • Vínculo;
  • Equilíbrio;
  • A ordem.

Satisfazemos a essas três condições sob a pressão do instinto, da necessidade e do reflexo, da mesma forma como satisfazemos às condições do nosso equilíbrio físico, mesmo contra nosso desejo ou vontade, essas condições são sentidas por nós como básicas porque as experimentamos simultaneamente como necessidades básicas.

O vínculo, o equilíbrio e a ordem se condicionam e complementam mutuamente. Juntos, são experimentados como consciência. Por conseguinte, experimentamos também a consciência como instinto, necessidade e reflexo, basicamente idêntica às necessidades de vínculo, equilíbrio e ordem."

Tal como acontece com a lei da gravidade, foi observado que estas ordens atuam independentemente do nosso conhecimento ou desconhecimento, concordância ou discordância, os seus efeitos são vistos e sentidos.“

Em que casos são aplicadas as Constelações Familiares ou Constelações Sistêmicas?

Seja em sessões de constelações familiares online ou presenciais, individuais ou em grupo, este sistema é útil sempre que haja uma necessidade para uma ação ou decisão imediata. Eis alguns casos concretos:

Conflitos familiares

Seja entre pais, filhos, irmãos, avós, primos ou tios, este sistema altamente inovador pode ajudar a ultrapassar conflitos.

Conflitos de relacionamento amoroso

As constelações sistémicas são um excelente instrumento para resolver os momentos mais difíceis das relações amorosas.

Sintomas ou doenças

As constelações sistémicas podem ser uma ajuda enorme para lidar com sintomas ou doenças.

Emoções

As constelações sistêmicas contribuem para gerir melhor emoções permanentes fortes como tristeza ou raiva.

Vícios

É possível canalizar as sessões para lidar com problemas relacionados com vícios, tornando o fardo mais leve.

Filhos

Filhos que ficam dependentes demasiado tempo dos pais e não conseguem seguir em frente.

Reforce o amor familiar com a ajuda das Constelações Sistémicas

Seja em grupo, numa sessão individual ou em sessões de constelações familiares online, vamos trabalhar as relações com quem lhe é mais querido.

Como se processa uma constelação familiar?

Há duas variantes, em grupo e em sessão individual

Numa sessão individual

Inicia-se uma breve explicação desta metodologia pela facilitadora se o cliente desconhecer a abordagem. De seguida, será apresentado pelo cliente o seu tema, podendo ser-lhe perguntada alguma informação factual direcionada à questão .

É feita a colocação da constelação, usando objetos que servem para representar pessoas, emoções, sintomas representados por bonecos ( próprios para esta metodologia) ou papeis ou outras ferramentas , adaptando-se a sessão ao perfil do cliente e ao que é sentido no momento.

Numa sessão em grupo

A colocação da constelação relacionada com o tema do cliente pode ser feita em grupo, no qual serve o cliente que coloca o tema, a quem assiste, a quem é chamado para o espaço do grupo e se movimentar de acordo com o que sente e aos sistemas de todos. Todos estão ao serviço do sistema e estão a usufruir dessa constelação.

A constelação pode desbloquear e ser muito útil, dependendo de como o cliente estiver aberto a ver e incluir na sua vida o que aprendeu, descobriu ou se deu conta.

Nenhuma constelação pode fazer algo por alguém, se este não é tocado no coração por ela - Sophie Hellinger Bad Reichenhall, 2018
TOPO